O Templo de Salomão e o Muro das Lamentações

postado em: Artigos | 0

1

O Muro das Lamentações é considerado o lugar mais sagrado da Terra Santa pelos judeus. A importância se dá porque é a única parte que sobrou da destruição do Templo de Salomão, o primeiro construído em Jerusalém para abrigar a Arca da Aliança e local de culto a Deus.

A construção era uma vontade do rei Davi para guardar a Arca da Aliança que permanecia em um tabernáculo ou tenda desde a época de Moisés.

O Senhor não permitiu a Davi a obra de Sua Casa por ele ter derramado muito sangue em guerras, pois desejava que o Santo Templo fosse construído em uma atmosfera de paz. Davi foi avisado que após a sua morte o Senhor levantaria alguém de sua descendência para esta tarefa.

Quando teus dias forem completos, e vieres a dormir com teus pais, então farei levantar depois de ti um dentre a tua descendência, o qual sairá das tuas entranhas, e estabelecerei o seu reino. Este edificará uma casa ao meu nome, e confirmarei o trono do seu reino para sempre.
(2 Samuel 7:12-13)

2A construção só foi permitida a Salomão, filho de Davi, quando este homem que era pacífico se tornou rei, no século X a.C.. Os trabalhos iniciaram no quarto ano de seu reinado seguindo os planos de seu pai. Davi já havia guardado muitos tesouros para bancar a edificação, contudo, Salomão não chegou a utilizar tudo e o restante ficou depositado como Tesouro do Templo.

Bem sabes tu que Davi, meu pai, não pôde edificar uma casa ao nome do SENHOR seu Deus, por causa da guerra com que o cercaram, até que o SENHOR pôs seus inimigos debaixo das plantas dos seus pés.

Porém agora o SENHOR meu Deus me tem dado descanso de todos os lados; adversário não há, nem algum mau encontro.

E eis que eu intento edificar uma casa ao nome do SENHOR meu Deus, como falou o SENHOR a Davi, meu pai, dizendo: Teu filho, que porei em teu lugar no teu trono, ele edificará uma casa ao meu nome. (I Reis 5: 3-5)

A construção durou sete anos e foi um período muito próspero para os habitantes da cidade. A arquitetura era muito parecida com uma tenda, diferenciando muito nas dimensões e de acordo com o que Davi havia planejado.

O local já havia sido escolhido por Davi. O templo foi construído sobre o Monte Moriá, lugar onde Deus firmou sua aliança com Abraão quando levou seu filho Isaque em sacrífício a pedido do Senhor, provando assim sua fé. Isaque acabou não sendo sacrificado, pois esta era apenas uma prova da fé e obediência de Abraão.

E disse: toma agora o teu filho, o teu único filho, Isaque, a quem amas, e vai-te à terra de Moriá, e oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas que eu te direi. (Gênesis 22:02)

O edificio foi basicamente feito com pedra e madeira, mas as paredes e o teto eram totalmente revestidos de ouro.

E revestiu Salomão a casa por dentro de ouro puro; e com cadeias de ouro pôs uma cortina diante do oráculo, e o revestiu com ouro. (1 Reis 6:21)

Com o templo pronto a Arca da Aliança foi depositada na sala mais escondida.

A destruição do primeiro templo

5A primeira edificação foi destruída pelo babilonico Nabucodonosor no ano 586 a.C. e os tesouros foram todos levados para a Babilónia. O periodo seguinte ficou conhecido como o exilio babilonico, para onde os judeus foram mandados após o domínio de Nabucodonosor.

E tirou dali todos os tesouros da casa do SENHOR e os tesouros da casa do rei; e partiu todos os vasos de ouro, que fizera Salomão, rei de Israel, no templo do SENHOR, como o SENHOR tinha falado.

E transportou a toda a Jerusalém como também a todos os príncipes, e a todos os homens valorosos, dez mil presos, e a todos os artífices e ferreiros; ninguém ficou senão o povo pobre da terra. (2 Reis 24:13-14)

A reconstrução do templo e a nova destruição: O Muro das Lamentações

jerusalem_templo

No ano 20 a.C. o templo foi reconstruído por Herodes, o Grande, com a intenção de agradar os governantes judeus que o haviam designado para comandar Jerusalém. O Templo de Heródes foi rodeado por grandes muralhas para proteção.2o templo de Salmomão

3No ano 70 d.C, durante o império Romano em Israel, o lugar foi novamente destruído por Tito, restando apenas uma parte do muro do lado ocidental, que hoje é conhecido como o Muro das Lamentações, local onde os judeus oram e choram pela destruição do Sagrado Templo, por considerarem que nesta parte do muro habita o Senhor, visto que o local por preservado após as destruições.

4Entre os anos de 1948 e 1967 os judeus foram separados do muro. Com a divisão de Jerualém, o local do templo ficou pertencendo à Jordânia. Após a Guerra dos Seis Dias, Jerusalém foi reunificada e o siginificado do muro se tornou ainda maior, pois lembra o sofrimento passado e as glórias do muro que ficou em pé e a recuperação do mesmo pelos judeus.

Para conhecer os locais mais sagrados do mundo, como o Muro das lamentações e tantos outros na Terra Santa que foram palco das histórias do Antigo e Novo Testamento você pode contar com a experiência da Terra Santa Viagens em seu principal roteiro Israel 9 dias. Nessa viagem você poderá conhecer o maior local de culto ao Senhor e também andar pelos mesmos caminhos que Jesus andou.

Você também pode ver o Muro das Lamentações ao vivo aqui!